A gamificação e o engajamento em sala de aula em tempos de pandemia

O fascínio por jogos é muito comum entre todas as gerações. Ligados à vida social, eles promovem a interação entre as pessoas, a ludicidade, provocam os indivíduos a conhecer o novo e propõem desafios. Na área da educação, os jogos sempre foram muito utilizados como artifício de ensino, sobretudo para os alunos da educação infantil e dos primeiros anos do ensino fundamental. Porém, a partir da adolescência e na fase adulta, principalmente nas universidades, as oportunidades de interação lúdicas tornam-se quase nulas.

Leia mais...

A corrida dos criptoativos diante da pandemia

Não é novidade que o coronavírus tem impactado grande parte dos setores da economia. O consumo mundial está sendo revisto, a forma como nos comunicamos está se transformando com sessões online e a economia está girando de forma diferente também.

Leia mais...

Como a impressão digital para o varejo pode ajudar nas vendas em tempos de COVID-19

Devido à atual crise global desencadeada pela COVID-19, não é segredo que os varejistas do mundo inteiro estão enfrentando mudanças drásticas em seus negócios. Mais do que alterações nos processos de gestão, no entanto, é preciso entender que a pandemia do novo coronavírus deixará marcas também na estrutura das lojas e no modo como as pessoas estão voltando às compras.

Leia mais...

Customer Success deve ganhar ainda mais força dentro das empresas no pós-pandemia

Manter o cliente engajado e contente mesmo depois dele já ter adquirido um produto ou serviço - conceito conhecido como Customer Success (CS) - já é algo desenvolvido dentro de algumas empresas há anos. No entanto, nesse momento de pandemia, o tema ganhou ainda mais importância nos negócios.

Leia mais...

A experiência pessoal na interação online

As vendas remotas estão ganhando mais espaço na rotina do consumidor. Durante os três primeiros meses desse ano, o e-commerce cresceu mais de 26% em relação ao mesmo período do ano passado, segundo aponta um levantamento do movimento Compre&Confie, que garante a confiabilidade de empresas no ambiente digital.

Leia mais...

A hora do autoatendimento

O tema Autoatendimento era, até então, uma questão de sobrevivência para as empresas. Hoje é leitura obrigatória para empresários de todos os setores e tamanhos - do pequeno, médio e grande negócio - pois impacta significativamente na segurança dos consumidores. Incentivar o autoatendimento é papel de cada empresa para evitar que pessoas transitem pelas ruas quando podem resolver suas demandas dentro de casa por meio de seus dispositivos eletrônicos, na grande maioria das vezes.

Leia mais...

A nuvem em tempos de crise: chave para a sustentabilidade das organizações

Não é mais novidade que a nuvem é uma ferramenta essencial para a transformação das empresas, permitindo agilidade nos negócios e democratizando o acesso seguro a aplicativos e dados de qualquer lugar com uma conexão à internet. Fato que, de acordo com um estudo da Oracle, estima-se que, em 2025, 80% do fluxo de trabalho e cargas críticas das empresas estejam operando na nuvem.

Leia mais...

Blockchain não é criptomoeda. É preciso desmistificar ambos.

A tecnologia blockchain está em um processo inicial de validação de alguns conceitos. Ainda que esteja neste grau de maturidade em formação, o blockchain pode resolver alguns tipos de situações no campo dos negócios. É importante ter, pelo menos, três partes envolvidas neste processo, ou seja, a empresa, o cliente e uma delas vai ser externa.

Leia mais...

Soluções na Nuvem e Contactless são essenciais para a automação do varejo no futuro

A edição 2020 da Feira e Congresso Autocom promete muitas novidades, a maioria delas com foco na nuvem e mobilidade. A transformação digital em curso no comércio varejista brasileiro será debatida na Autocom 2020, que contará com mais de 150 marcas expositoras.

Leia mais...

A nova era dos bancos digitais

Ser digital vai muito além das ferramentas tecnológicas, é, antes de tudo, uma questão cultural. Algumas organizações passam pelo dilema de como se inserir na transformação e evoluir digitalmente, outras estão se remodelando para se adaptar a essa nova era. De certa forma as startups já nascem neste universo, mas precisam tomar cuidado para não replicarem em sua gestão interna os modelos tradicionais, principalmente, em suas áreas de tecnologia.

Leia mais...