Como criar um aplicativo?

Hoje para pedir uma pizza, consultar preços de produtos, identificar roteiros de viagens, tudo já é feito por meio de um aplicativo. Outro bom exemplo que os apps já conquistaram o mundo é o WhatsApp, em que as pessoas se comunicam por meio de mensagem de voz, texto e imagens em tempo real, via internet. O programa conta com cerca de 500 milhões de usuários no mundo, sendo 38 milhões apenas no Brasil.

Leia mais...

Desenvolvimento ágil ou tradicional, qual o melhor caminho?

Internet das “coisas”, e-commerce, mobilidade, cloud computing e tantas outras tendências que surgem para revolucionar os modelos de operação existentes ou criar os novos “negócios digitais” se deparam com uma antiga questão: qual a melhor abordagem de desenvolvimento para garantir velocidade às necessidades de negócio, com produtividade e sem colocar em risco a qualidade para os clientes finais da solução?

Leia mais...

Arduino: novidade para desenvolvedores

Quem é apaixonado por tecnologia sempre fica por dentro das novidades do setor e, além disso, gosta de se aventurar e testar todas as ferramentas que aparecem no mercado. Um recurso que ganhou destaque e tem chamado bastante à atenção dos profissionais de TI é o Arduino, um controlador lógico programável com entrada USB ou Serial que possui código aberto.

Leia mais...

Metodologia Kanban, aplicações que agilizam o desenvolvimento de projetos

O Kanban é uma abordagem muito utilizada na indústria de produção, onde teve origem. Ele prepara processos para serem ativados de acordo com a demanda - característica que tem chamado a atenção também de outros segmentos em situações em que a demanda não é previsível e, portanto, não pode ser planejada com muita antecedência.

Leia mais...

É preciso aprender novas linguagens de programação?

No Brasil, o setor de software tem crescido muito nos últimos anos. Entre 2008 e 2012, os dois segmentos que tiveram crescimento mais expressivo em ofertas de emprego foram: desenvolvimento de programas de computador sob encomenda, que passou de 46,6% para 62,1%; e consultoria em tecnologia da informação, que aumentou de 44,8% para 54,6%, de acordo com pesquisa realizada pela Fundação Seade, no segundo bimestre de 2014.

Leia mais...

Gerenciamento de Conteúdo de Vídeo

Com o crescente uso dos recursos de vídeo e o aumento das relações empresariais globalizadas, as organizações têm tentado, cada vez mais, facilitar o compartilhamento de informações entre as pessoas. Para isso, as empresas estão incentivando a expansão de aplicações habilitadas para vídeo, de modo a ter uma força de trabalho mais conectada, informada e efetiva.

Leia mais...

Por que o SCRUM vem sendo cada vez mais adotado nas empresas?

Depois de se adaptar plenamente a termos como CRM, ERP e BI – só para citar os mais comuns – as empresas começam a conhecer e a adotar o SCRUM. Diferentemente das siglas citadas, não se trata de um acrônimo, mas de uma palavra com vida própria que, na prática, está relacionada ao desenvolvimento e gerenciamento de projetos de software com agilidade e interatividade.

Leia mais...

Apps corporativos para alavancar resultados

Segundo pesquisa recente feita pelo IDC, em 2013 o número de smartphones cresceu 110% em relação ao ano anterior – e consequentemente os aplicativos estão ganhando cada vez mais importância na vida das pessoas.

Leia mais...

Gadgets vestíveis: o futuro já começou

Em janeiro passado os apaixonados por tecnologia tomaram conhecimento de algumas novidades em uma grande feira realizada nos Estados Unidos. Entre TVs gigantes, telas flexíveis e impressoras 3D, surgiram também diversos aparelhos que unem os conceitos de tecnologia com praticidade: os wearable gadgets, ou acessórios vestíveis. São relógios, pulseiras e até mesmo óculos especiais que apresentam diversas funções: de conferir a chegada de um e-mail até monitorar a distância percorrida nas suas últimas corridas.

Leia mais...

Integração de Aplicativos na Nuvem – Por que uma nova abordagem é necessária?

O mercado tem visto nos últimos anos uma explosão na adoção de aplicativos no modelo SaaS (software-como-serviço) ou em nuvem, nome mais comum. Mas a necessidade de integrar esses aplicativos uns aos outros, assim como a aplicativos e bancos de dados localizados dentro das empresas (no modelo on premise) não diminuiu com a mesma proporção. No início, os usuários finais de aplicativos em SaaS eram frequentemente atraídos pelo modelo flexível de computação em nuvem e devido à promessa de facilidade de uso e rapidez de implementação.

Leia mais...