Internet elétrica: em breve poderá ser realidade

Publicado em Quinta, 12 Março 2009 16:16
Escrito por Equipe IT Portal
O assunto vem sendo debatido e estudados há uns 10 anos. Mas, agora, parece que finalmente ele deverá ser tornar realidade.

As agências reguladoras de telecomunicações (Anatel) e de energia elétrica (Aneel) estão preparando as regras que deverão direcionar o lançamento comercial da tecnologia Power Line Communication (PLC), que permite a utilização dos fios de eletricidade para a  Internet em banda larga.

Levando-se em conta que as redes das distribuidoras de energia elétrica já estão prontas para oferecer este tipo de serviço, dependendo apenas de algumas adaptações e ajustes,  faz-se acreditar que agora é pra valer.

O que falta?

Segundo os técnicos das agências reguladoras, é necessário ainda instalar roteadores nos postes para que o direcionamento da transmissão de dados aconteça, além de um modem na casa ou no escritório do usuário final.

A velocidade inicial que já está sendo prometida é de 20 megabits por segundo (Mbps), bem acima da capacidade dos serviços oferecidos hoje, que em geral vão até 10 Mbps. Os equipamentos são de segunda geração e podem alcançar 200 Mbps.

Aqui na Redação o Speedy é de 1.3 megas, mas a linha só consegue entregar menos de 0,5 megas. Dizem que os cabos e as tecnologias são velhos.

Competição?

Outra vez fala-se em competição para se justificar esta nova modalidade de acesso à rede mundial de computadores. Será?

Os usuários reclamam que os preços são altos – e comparações com outros países comprovam isto – e que na hora de escolher um provedor de acesso ele é obrigado a pagar por outro provedor para que ele possa ter acesso real à web. Outro ‘imbroglio’ a ser resolvido, non è vero?